A "Geração Z" Será Criada com Touchscreens

Os analistas da Gartner devem ter se impressionado com o iPad da Apple porque seu relatório mais recente prevê que 50% dos computadores comprados para crianças em 2015 terão touchscreen. Neste relatório a Gartner define crianças como menores de 15 anos de idade, ou, como alguns gostam de chamá-los, “Geração Z” (crianças que nasceram na década de 2000 também apelidados de “nativos digitais”). Nascidos em um mundo onde computadores e celulares são apresentados como brinquedos, onde o iPod sempre existiu e a maioria das pessoas que eles conhecem ou irão conhecer poderão ser encontradas no Orkut, Facebook ou Twitter. E agora, parece que eles serão criados com computadores mais diferentes ainda. (Nossa geração se adaptou da escrita manual para a digitação, como será a adaptação para eles?)

Olhando ao nosso redor, é fascinante e ao mesmo tempo assustadora a maneira que a tecnologia se infiltrou em nossas vidas. Crianças cada vez mais novas são constantemente expostas em vídeos jogando jogos ou operando computadores e dispositivos. Mas e se um dia eles preferirem o touchscreen aos gizes de cera e papel? As historinhas da noite serão lidas em dispositivos ao invés do bom e velho livro infantil? Será que uma criança que irá crescer jogando em um iPad ainda terá vontade de ter uma noite de jogos de tabuleiro e brincadeiras com sua família? Será que ainda irão querer jogar baralho?

Quando um computador era somente uma tela, mouse e teclado, ele ainda era uma ferramenta. Um meio para um fim. Era algo que você usava no trabalho, um substituto para a caneta e tinta, uma forma de se comunicar com outras pessoas de lugares distantes, mas, no final, era apenas uma coisa. Agora, pense nos 160.000 aplicativos na App Store do iTunes com aplicativos novos do iPad sendo adicionados a cada dia. O iPad pode substituir quase qualquer objeto do “mundo real” que você possui: um livro, um som ou mp3 player, uma TV, um DVD player, um livro para colorir, um jogo de tabuleiro, um bloco de notas, um globo, um mapa, e muito mais.

Se os analistas da Gartner estão certos na proporção e no prazo em que isso irá ocorrer não sabemos, mas além de suas estimativas sobre a adoção do touchscreen, eles prevêem  que mais da metade das escolas americanas irão adotar o touch e/ou pen nos próximos 5 anos. Segundo eles, Touch é o futuro.

Nós queremos saber a sua opinião, você já se adaptou a digitação em vidro? Ou vai manter o teclado e mouse até ser obrigado a abrir mão? Não deixe de comentar.

0 responses to “A "Geração Z" Será Criada com Touchscreens

  1. eu tenho 19 anos e confesso que apesar de passar muito tempo ao computador por necessidade de me manter contactável, ainda não me habituei totalmente à era digital.
    de tal forma que quando preciso de me concentrar para escrever um texto o faço primeiro com papel em caneta.
    não sei até que ponto será positivo o uso da tecnologia em todas as actividades que conseguíamos fazer até agora sem ela.
    se nós já sofremos com o sedentarismo, e mesmo com problemas de visão devido à longa exposição em frente dos ecrãs como será com a próxima geração?
    e que implicações trará a nível energético e ambiental ?

  2. eu tenho 19 anos e confesso que apesar de passar muito tempo ao computador por necessidade de me manter contactável, ainda não me habituei totalmente à era digital.
    de tal forma que quando preciso de me concentrar para escrever um texto o faço primeiro com papel em caneta.
    não sei até que ponto será positivo o uso da tecnologia em todas as actividades que conseguíamos fazer até agora sem ela.
    se nós já sofremos com o sedentarismo, e mesmo com problemas de visão devido à longa exposição em frente dos ecrãs como será com a próxima geração?
    e que implicações trará a nível energético e ambiental ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *