Como Montar uma Empresa com Menos de US$2000

Autor Convidado: Este artigo foi escrito por Gustavo Caetano, CEO e fundador da SambaTech e agora também do MyGeekDay.com,  um site especializado em venda de produtos geeks raros.

Em janeiro de 2005 comecei uma empresa que na época se chamava Samba Mobile e em 2008, depois de recebermos investimento de fundos de venture capital, nos transformamos na SambaTech, empresa líder na distribuição de vídeos na América Latina.

Lembro-me que quando ainda era estudante e tive a ideia de começar a empresa, o que atrasou o projeto foi a necessidade de capital. Na época, por sorte, consegui 100 mil reais de investimento para iniciar a operação do negócio, mas hoje, depois da experiência de montar uma startup no Brasil e ter ajudado várias outras a nascerem depois disso, percebi que não é preciso tanto dinheiro para montar um negócio de qualidade internacional na internet. Por isso resolvi compartilhar com vocês a experiência que tive com um recente projeto.

Numa certa manhã de Maio conversando com minha mulher tivemos a idéia de montar um site para o público Geek. O site se chamaria MyGeekDay.com e venderia um produto raro por dia. Apenas um.

Fizemos um desenho do modelo de negócios do site e do escopo de como ele funcionaria. No dia seguinte, comprei uma licença do Balsamiq Mockups por US79 e comecei a desenhá-lo, junto com minha esposa. Depois do conceito, modelo de negócios e um protótipo prontos, foi a hora de criar a logomarca. Para isso, postei a idéia no site australiano 99designs.com. Depois de escolher entre mais de 80 logomarcas enviadas por designers do mundo todo, paguei os devidos US299 dólares pelo serviço. Uma maravilha. Registrei o Domínio do site usando o Godaddy.com e não gastei mais do que US10 e alguns minutos.

A hospedagem também é bem em conta, com um pacote mensal de US$10.

Seguindo o molde lean startup, resolvi criar uma landing page, uma página de cadastro de clientes interessados no seu serviço ou produto.

Criei um template da página no unbounce.com com US$ 25 por mês e consegui em algumas semanas mais de 600 cadastros. Ao mesmo tempo também criei uma conta no Facebook e Twitter para divulgação.

O mockup do site foi enviado para uma empresa indiana, chamada Contus.in. Paguei US$ 1500 para que eles fizessem todo o layout do site baseado na logomarca e identidade visual, programação e integrações com magento para a venda dos produtos, além de Facebook e Twitter para cadastro de usuários.

Em pouco mais de um mês consegui colocar o site do ar. Um recorde que só consegui alcançar graças aos mais diversos serviços disponíveis na internet. A experiência de ter colocado um site legal pra rodar em tão pouco tempo mostrou que é possível fazer projetos diferentes na internet sem gastar muito dinheiro! E você está esperando o que para tirar sua ideia do papel?

16 responses to “Como Montar uma Empresa com Menos de US$2000

  1. Muito bacana o artigo! Ainda faltou citar o MailChimp!
    Serve de alerta pra as empresas e freelas que vivem destes serviços aqui no Brasil. Se adequem e pensem global.

  2. A simplicidade é amiga do homem. Lendo este artigo vimos como é simples montar um negócio, com pouca grana. Mas, para tal não basta apenas o recurso material em si, mas por trás desse artigo é possível perceber que o grande valor, e o mais caro deles é o conhecimento. Depois da trilha feita, a caminhada na mata se torna fácil e prazerosa. Então, qual seria o caminho? No meu entendimento seria conhecimento e networking que se tornou mais eficiente ainda, com as redes sociais. Esses dois recursos potencializam os resultados. Quantos de nós conhecíamos todos os sites apresentados por ele, e a praticidade e o valor agregado de cada um? Incrível não? Obrigado ao Gustavo por nos mostrar os caminhos…..agora é colocar as idéias em prática, e quem sabe ser aquele nerd de garagem, e um dia construir um império, como Jobs e Gates! Eu já sou usuário do site mygeekday.com e acompanho o sucesso da Sambatech! Abraços a RWWB por mais um excelente artigo! @tolstoy

  3. É a era do conhecimento. Lamentável é perceber que muitas empresas ainda estão no Feudalismo.

    A moeda ‘conhecimento’ é nova e bem diferente da moeda ‘dinheiro’.

    – A primeira é autruísta e generosa, quanto mais você distribui mais acumula.

    – A segunda é egoísta e bem conhecida. É da Era da Indústria quanto mais retêm mais acumula.

    Acredito nisso. Desejo muito sucesso ao Gustavo Caetano, nesse empreendimento. Vocês acabaram de distribuir muito conhecimento nesse post e no primeiro pitchers (http://www.pitchers.com.br/) em Belo Horizonte.

    Continuem abrindo as porteiras do novo mundo. E que todos sejam bem vindos a Era do Conhecimento.

    [Dito Passos]
    @ditopassos

  4. Interessante, principalmente pelas dicas de serviços.

    Mas o título não é totalmente verdadeiro. Os US$2000 foram só para iniciar a empresa, mas se não tiver mais dinheiro a empresa para por ai. Deveriam explicar melhor que isso é só para dar o pontapé inicial da empresa, mas depois é necessário mais grana para manter a empresa até ela começar a faturar e chegar num ponto de equilibrio.

  5. Uma atualização rápida: Estamos usando o MailChimp para newletter! (obrigado, Mateus)

    Sobre o investimento, é realmente só o começo mesmo, mas vejo que muita gente gasta muito tempo e dinheiro no momento inicial, antes da empresa começar a funcionar. Quis mostrar como botar uma empresa pra rodar sem gastar muito. O dinheiro que captei, ainda não foi usado. Estamos esperando para ver que tipo de produto vende mais, o que as pessoas gostam. Depois vamos usá-lo mais acertivamente. Mas só dá pra dar este passo se a loja já estiver no ar.

    Visitem o site e dê sugestões!

  6. Muito interessante Gustavo Caetano,

    Estou na mesma empreitada no desenvolvendo um site de comercialização de serviços, a proposta seria um modelo de negocio como elance.com. O investimento é próprio e tenho um planejamento de viabilizar o projeto com entorno de R$5000,00. O estrutura já esta no ar, mas estamos melhorando ainda. Se tive interesse em olhar o prototipo.. mombi.com.br

    Vou começar a utilizar alguns serviços que foram citados na materia acima.

    @marocolojr

    Muito a boa materia.

  7. Não podemos esquecer da parte financeira da empresa. Pra cobrança, utilizamos o F2B e pra gestão financeira, o Granatum. Ambos nos atendem perfeitamente. Há ainda o Google Spreadsheets, que utilizamos para formulários online (usamos bastante em inscrições para eventos), planilhas simples (geralmente as que compartilhamos com nossos colaboradores) e o Google Docs.

  8. Aqui no brasil:


    Logotipos: http://www.wedologos.com.br/ | não testei e não tenho notícia de quem usou.


    emailmarketing/newsletter:


    http://www.emailmanager.com/ | Já testei. Tive uma experiência bacana.


    http://www.dinamize.com/
    pergunte se ainda dão um mês grátis | Vi uma palestra do @guga1975 logo após experimentei. Com essa ferramenta não voltou nenhum email. Depois terceirizamos e tudo do bol e uol voltou. Gostei da dinamize. E pelo conhecimento que o cara compartilhou indicaria ele.


    http://tecontato.com.br/ | grátis até mil contatos

    —| O conhecimento subverte a matemática.

    [Dito Passos]
    @ditopassos

  9. http://www.designbee.com.br/ “O Designbee é um provedor de serviços de design e redação gerados a partir de uma rede social de criativos. É um modelo de negócio baseado nas premissas do crowdsourcing”… mais uma dica. encontrei hoje.

    [Dito Passos]
    @ditopassos

    –|

    DESIGN GRÁFICO
    logotipo
    papelaria
    cartaz
    folheto
    ilustração
    design de embalagem
    rótulo de embalagem
    anúncio
    design de estampa
    pequenos websites
    grandes websites
    banners
    site para celular

    WEBDESIGN
    pequenos websites
    grandes websites
    banners
    site para celular

    PROJETOS DE ESCRITA
    blog
    newsletter
    conteúdo site
    nome de empresa
    nome de produto
    nome de marca
    nome de domínio
    slogan

  10. Sensacional o artigo Gustavo,

    Sua proposta de compartilhar sua experiência de MONTAR uma empresa com menos de 2K foi genial, não só estou anotando as dicas e testando-as como irei compartilhar com outras pessoas.

    Continue compartilhando suas dicas e experiências que são muito bem vindas aos futuros empreendedores desse planeta azul.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *