Estudo de Caso: Android Mais Rentável que iOS para Desenvolvedora de Games

Um interessante estudo de caso da Computerworld foi divulgado recentemente sobre a geração de receitas de aplicações móveis, mas, desta vez, o iPhone não levou vantagem, na verdade aconteceu o oposto. O autor JR Raphael analisa uma empresa de desenvolvimento que realmente está tendo mais receita com sua aplicação (Pocket Legends) no Android, do que no iOS.

Além de ser mais rentável na plataforma Android, segundo os fabricantes do jogo, os usuários do Android são mais participativos também. Eles jogam o jogo com mais freqüência e clicam em mais anúncios.

Segundo o artigo, a Spacetime Studios, empresa de desenvolvimento responsável pelo Pocket Legends (MMO 3D com elementos que lembram o “World of Warcraft”), diz que a atividade diária de seus usuários no Android ultrapassa o dobro das atividades dos usuários no iOS. Além do aplicativo ser utilizado três vezes mais no Android do que no iOS, ele também tem mais downloads no SO da Google (9 mil no Android contra 3 a 4 mil no iOS).

O resultado final é que o jogo ganha até 50% mais receita no Android do que no iOS.

Certamente é algo que não se vê todos os dias.

Compras In-App, Produtos Virtuais, Anúncios

O jogo é gratuito, como muitos títulos do Android. A receita é gerada através de compras in-app, produtos virtuais e anúncios móveis.

Nós já sabemos que as compras in-app é uma forma de monetização mais eficiente que os anúncios móveis para as redes sociais móveis e para aplicativos de jogos sociais. E sabemos também que as compras in-app estão com uma tendência de crescimento violenta para este ano – com crescimento esperado de 600% em 2011, para então contabilizar quase 30% de todos os pagamentos de aplicativos móveis. Sendo assim, não é uma grande surpresa ver que esse tipo de monetização está dando certo.

O que é surpreendente é ver que essas compras in-app estão em maior número no Android, deixando o iOS (iPhone, iPod Touch, iPad) pra trás. Lembrando que o iOS já tem suporte oficial para as aquisições in-app há algum tempo, enquanto o Android ainda está para lançar um suporte oficial (previsto para este trimestre). Isso significa que, por enquanto, os desenvolvedores estão usando serviços de terceiros para preencher as lacunas deste quesito.

Outro fator no esquema de monetização da Spacetime é a parte de anúncios. Novamente o Android leva vantagem, gerando três vezes mais cliques que o iOS. A Comptuterworld cita o CEO da Spacetime, que revelou que “isso nos levou a parar de anunciar na Apple e jogar todos os nossos dólares no Android. Do ponto de vista financeiro faz muito sentido.”

Atípico ou Tendência? Você Decide

Embora interessante, um caso de estudo não faz disso uma tendência. Pode ser um fato isolado, mas certamente desperta o interesse.

Você é desenvolvedor? Também está tendo experiências parecidas com o Android e o iOS? Não deixe de comentar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *