Facebook Abrindo 500 Vagas na Índia. E o Brasil?

O Facebook anunciou recentemente que vai abrir um escritório em Hyderabad, Índia, para proporcionar um suporte melhor em outras línguas para seus usuários, anunciantes e desenvolvedores terceiros.

De acordo com o Business Standard e o India Times, a empresa está para começar suas operações em seu primeiro escritório na Asia nos próximos dois meses.

Em um PR divulgado domingo, o departamento de comunicações e o State Information Technology disseram que o Facebook conseguiu a permissão do governo para montar um escritório em uma incubadora de empresas na zona econômica especial (SEZ) Raheja Mindspace.

O novo escritório irá se juntar às operações do Facebook em Palo Alto (Califórnia), Dublin (Irlanda) e ao mais recente escritório da empresa em Austin (Texas).

De acordo com o Economic Times, um funcionário do governo indiano também afirmou que o Facebook conseguiu um belo espaço físico e que iria recrutar cerca de 500 pessoas para executar as operações. O Facebook, que possui quase 8 milhões de usuários na Índia e cerca de 500 milhões de usuários no mundo todo, investirá, segundo informações, US$ 150 milhões na fase inicial do projeto. São ótimas notícias, pois o comportamento do usuário indiano é bem parecido com o brasileiro (e o orkut inclusive é bastante popular por lá, apesar da recente queda). Sabemos que o Facebook já tem representantes por aqui, e segue crescendo, mas a dúvida que fica é: Será que uma operação no Brasil está nos planos da potência da web social? Deixe sua opinião nos comentários.

0 responses to “Facebook Abrindo 500 Vagas na Índia. E o Brasil?

  1. Talvez o Facebook ache que ainda não vale a pena enfrentar o orkut aqui no Brasil. Mas acredito que com a expansão dos escritórios em outros países o Brasil venha a ser um dos contemplados.

  2. Talvez o Facebook ache que ainda não vale a pena enfrentar o orkut aqui no Brasil. Mas acredito que com a expansão dos escritórios em outros países o Brasil venha a ser um dos contemplados.

  3. Indianos falam inglês, as leis trabalihistas são mais flexiveis, são competentes e claro mais baratos. Estou acostumado a terceirizar serviços para indianos e posso te assegurar duas coisas: 10 vezes mais baratos e 30 vezes mais rápidos, triste constatação. Não dá para repassar trabalhos de desing e é deve-se ser muito claro com as espicificações do serviço. Tirando isso, excelente!! Infelizmente a nossa mão-de-obra é muito cara e o atendimento ao cliente é sofrivel. Existem exceções é claro, mas estas custam muito caro.

  4. Indianos falam inglês, as leis trabalihistas são mais flexiveis, são competentes e claro mais baratos. Estou acostumado a terceirizar serviços para indianos e posso te assegurar duas coisas: 10 vezes mais baratos e 30 vezes mais rápidos, triste constatação. Não dá para repassar trabalhos de desing e é deve-se ser muito claro com as espicificações do serviço. Tirando isso, excelente!! Infelizmente a nossa mão-de-obra é muito cara e o atendimento ao cliente é sofrivel. Existem exceções é claro, mas estas custam muito caro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *