Grooveshark se Revolta com a Indústria Fonográfica em Carta Aberta

O serviço de streaming de música peer-to-peer Grooveshark teve uma série de desentendimentos com os alguns sistemas operacionais móveis. Seu aplicativo do iOS foi retirado da App Store no ano passado, e seu app do Android também foi retirado do Marketplace no início do mês de Abril. Mas a empresa está revidando, alegando que não há nada de ilegal em seu aplicativo.

O Grooveshark funciona de maneira diferente de qualquer outro serviço de streaming de músicas. Ao invés de depender em acordos de licenciamento com a indústria fonográfica para oferecer conteúdo de música (por streaming ou downloads), os usuários do Grooveshark fazem o upload de suas músicas para o catálogo, que por sua vez pode ser transmitido por streaming por qualquer pessoa através do aplicativo. O elemento peer-to-peer claramente colide contra o argumento da indústria de que esse tipo de compartilhamento é roubo.

O Grooveshark insiste dizendo que cumpre com o Digital Millennium Copyright Act (DMCA- Lei dos Direitos Autorais do Milênio Digital), e que responde da maneira correta aos processos recebidos. Realmente, a empresa alega que retirou mais de 1,76 milhões de arquivos e suspendeu o direito de upload de mais de 22.000 usuários.

O Grooveshark alega que seu foco é no licenciamento com esses usuários, mas também está trabalhando para garantir os direitos com as gigantes móveis. O serviço divulgou acordos de licenciamento com mais de mil gravadoras, assim como vários acordos com organizações de direitos de apresentação. “Estas não são características de uma empresa dedicada a violação de direitos autorais,” algo que a RIAA e as gravadoras acusaram.

O Grooveshark deixa claro em sua carta aberta que quer defender o seu nome:

“Devido ao recente engano se referindo a divulgação do aplicativo do Grooveshark, é importante deixar claro que vamos defender o nosso serviço nos tribunais e no Congresso. Vamos defender nosso nome e nossos ideais em prol dos nossos usuários, que esperam um sistema de distribuição moderno e de acesso abrangente entre os dispositivos, para o bem dos artistas e proprietários de conteúdo que temem outra década de declínio, e para outros inovadores que continuam trazendo novas idéias para o mercado através da expressão da criatividade na forma da tecnologia.”

Para os usuários do Android que querem contornar a proibição do Android Marketplace, você pode fazer o download do aplicativo Grooveshark diretamente da página da empresa. Mas, os fanboys da Apple sobraram desta vez.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *