Investidor do Facebook diz que Eduardo Saverin Não Fez Muito, Mas Ficou Rico Mesmo Assim

Até agora não havíamos visto o investidor Peter Thiel falar sobre o Eduardo Saverin, que foi o co-fundador e investiu nos primórdios do Facebook. Mas agora sim ele falou (até demais) para o The Big Think.

Peter disse que o papel do brasileiro no Facebook não era lá tão glamouroso, ele era um “quase empregado do Facebook em 2004.”

Se você está familiarizado com as origens do Facebook, você sabe que o Eduardo Saverin foi “despedido” justamente quando as coisas estavam indo bem para a empresa. Isso foi quando o co-fundador do PayPal, Peter Thiel, se tornou investidor e o co-fundador do Napster, Sean Parker, também se envolveu. Eduardo processou o Facebook e seu CEO, Mark Zuckerberg em Abril de 2005, e ganhou. Ele mantém uma pequena participação de 5% do Facebook (mais de US$ 1 bilhão).

Peter afirma que Eduardo não foi “cortado” sem mais nem menos, já que ele não estava fazendo o seu trabalho na época, que segundo ele era vender anúncios para o Facebook. Finalmente o investidor finaliza, dizendo que Eduardo “se deu muito bem por fazer tão pouco.”

Veja o vídeo de Peter falando sobre Eduardo Saverin aqui.

0 responses to “Investidor do Facebook diz que Eduardo Saverin Não Fez Muito, Mas Ficou Rico Mesmo Assim

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *