Guest post: Este é um artigo fornecido pela equipe da  Rock Content, uma empresa de marketing de conteúdo que ajuda empresas a produzir artigos matadores. Confira o e-book “Marketing de conteúdo para iniciantes” e não perca os artigos do blog da Rock Content.

Quando você abriu sua empresa, provavelmente fez planejamento financeiro, calculou custos de produção e logística, estudou a gestão, procurou motivar sua equipe e ainda passou buscou se capacitar. Hoje, sua estrutura está bem organizada, mas você sente que pode expandir, alcançar novos mercados. Seu objetivo é, sem dúvida, aumentar o faturamento e os lucros. Mas, a pergunta que vem à sua cabeça é: posso fazer isso? A resposta é um sonoro “SIM”. Você precisa fidelizar seus clientes e tornar sua marca mais forte e atraente. Sua empresa deve ser referência no ramo em que atua. E isso é possível com a formatação de uma estratégia de Marketing eficiente.

Em um mercado tão competitivo quanto o que existe hoje, uma marca deve buscar novos canais de comunicação com os clientes. A boa e velha propaganda e a busca alucinada das assessorias de Imprensa por um espaço na mídia convencional não são mais consideradas diferenciais. Por este motivo, recentemente, o Marketing de Conteúdo se tornou a grande aposta dos profissionais de comunicação que atuam na área corporativa. Essa nova estratégia se transformou em uma tendência e hoje já é realidade. A linha de pensamento é bastante simples: se preciso de espaço, vou criar minha própria mídia para conquistar novos clientes. Porém, atenção, isso deve ser feito de maneira inteligente e com as técnicas corretas.

A geração de conteúdo é muito mais do que a simples inserção dos releases feitos pela Assessoria de Imprensa no site ou no blog da empresa. É preciso também buscar assuntos correlatos à atividade da marca para produção de material informativo de interesse dos clientes. Não se trata de publicidade disfarçada, o Marketing de Conteúdo é como uma prestação de serviço. A partir do momento em que as pessoas estiverem lendo informação útil dentro do blog, do site e das redes sociais de determinada empresa, passarão a considerá-la uma marca confiável. Aos poucos, ela se tornará uma referência. Ou seja, com essa estratégia você vai agregar valor ao seu produto/serviço, ganhar maior credibilidade e atrair novos clientes.

Quer um exemplo prático? Imaginemos que uma rede de academias começe a produzir e publicar informações sérias sobre temas como alimentação, perda de peso, ganho muscular, etc. Com certeza a empresa vai chamar a atenção não apenas de seus alunos, como também de um enorme universo de cidadãos que praticam exercícios físicos com regularidade e se preocupam com hábitos saudáveis de vida. Essas pessoas não vão apenas conhecer a marca, como também se identificar com ela e passar a consumir seus produtos e serviços. E aí: bingo! Alcançamos nosso objetivo!

Marketing é para profissionais. Confie neles.

Digamos que você, empresário, já está convencido de que em pleno século XXI não é mais possível ficar de fora da Internet e decidiu criar seus próprios canais de comunicação online. Você encomendou um site, abriu um blog, criou perfis nas principais redes sociais. Mas e agora?

Você vai precisar de atualizações constantes, para que as páginas não sejam esquecidas. Essa é uma questão muito importante porque sites ou blogs desatualizados podem criar no leitor um efeito muito negativo. Mas, nem pense em soluções caseiras. Esqueça a ideia equivocada de colocar um estagiário ou aquela funcionária que “escreve direitinho” para fazer esse trabalho. Nesse momento, o amadorismo deve ficar de lado. Marketing é para profissionais.

Para conseguir alcançar seu objetivo você vai precisar de gente que domine o assunto. O profissional de comunicação vai conseguir traçar um plano que orientará sua estratégia de geração de conteúdo. Ele vai solucionar impasses como: quais serão os temas abordados nos textos? qual público queremos atingir? qual será periodicidade dos posts? quais canais de comunicação serão utilizados? quais outras estratégias serão adotadas para multiplicar a visibilidade das informações?

Investimento baixo com retorno duradouro

O Marketing de Conteúdo é uma ferramenta certeira e com custos mais baixos do que os de uma publicidade convencional. Para veicular anúncios em televisão ou mídias impressas, sua empresa terá de despender grandes quantias. O resultado será alcançado, sem dúvida, mas será passageiro, durando apenas o período de veiculação. Com o Marketing de Conteúdo, o retorno é constante.

Uma vez publicada na Internet (seja em um blog, site ou redes sociais) a informação permanecerá disponível por tempo indeterminado. Qualquer pessoa que acessar o canal de comunicação criado pela marca terá à sua disposição todo o conteúdo gerado por ela. Além disso, esse material também surgirá em buscas na Internet. Por isso, quanto maior o volume de conteúdo gerado, de forma séria e inteligente, maior e mais duradouro também será o retorno.

Pequenas empresas também podem investir

Concorrer com grandes marcas, que possuem mais recursos e nomes consolidados, é um desafio para as pequenas empresas. O que os gestores desses negócios precisam entender é que as estratégias de Marketing foram feitas para todos, não são um privilégio de poucos.

A partir do momento em que o pequeno empresário conhecer seu público alvo, terá condições de promover estratégias de Marketing eficientes. Profissionais capacitados saberão aliar orçamentos curtos ao plano de comunicação. E o Marketing de Conteúdo é um instrumento muito poderoso nesses casos.

E você, já planejou a estratégia de marketing de conteúdo da sua empresa?