Netflix Anuncia Expansão para a América do Sul. Brasil está na Lista

A Netflix anunciou hoje que seu serviço de streaming de filmes estará disponível em 43 países no Caribe e na América Latina ainda neste ano. Os usuários serão capazes de acessar o Netflix.com em espanhol, português ou inglês em vários dispositivos que suportarão o serviço. Os interessados podem deixar suas informações de contato com a empresa para receberem lembretes sobre o andamento do serviço.

O que isso significa para a Netflix? Primeiramente, aumentará e muito sua base de usuários para seu mercado demográfico. As empresas de tecnologia e conteúdo que se dão bem na era da Web 2.0 têm fontes de tráfego significativas nos mercados internacionais, como o Facebook, Twitter, que ambos possuem 70% ou mais de usuários fora do EUA. Essa jogada vai decretar a Netflix como uma grande fonte de streaming de conteúdo na web. E com toda essa competição nesses mercados, o sucesso da empresa nessas localizações será enorme para a Netflix.

A coisa mais importante que a Netflix pode fazer é se tornar uma empresa com um recurso inestimável para estúdios de filmes. Quanto mais usuários a Netflix conseguir, a empresa fica mais próxima de parcerias de conteúdo com os principais estúdios em termos que serão favoráveis para ela própria. Isso permitirá que a Netflix ofereça seus serviços cobrando a taxa atual (US$ 7,99 mensais para começar) sem ter que elevar os preços para pagar as licenças de conteúdo.

Ainda não temos informações exatas sobre quais países terão o privilégio de utilizar os serviços da Netflix. Mas sabemos que o Brasil está nos planos da empresa, pelo menos diz o site oficial da empresa. Você pode se cadastrar por lá e receber um email quando o serviço estiver ativo por aqui. Antes da confirmação do Brasil nesta lista, o ReadWriteWeb escreveu um artigo dizendo que o país seria o “prêmio da região, sendo um país que está desenvolvendo rapidamente uma economia e inovações tecnológicas de primeiro mundo.”

“Os membros do Netflix do EUA e do Canadá realmente adotaram o serviço instantaneamente e achamos ótimo que podemos oferecer a mesma combinação de conveniência, escolha e valor para as pessoas do México, da América Central, da América do Sul e do Caribe,” escreveu Jessie Becker, vice-presidente de marketing da Netflix no blog.

Parece que a Netflix no Brasil oferecerá seus serviços apenas por streaming. A logística de envio de DVDs por correios para esses 43 países pode custar bastante para a empresa.

0 responses to “Netflix Anuncia Expansão para a América do Sul. Brasil está na Lista

  1. Eu uso Netflix aqui no Canadá há algumas semanas e estou bastante satisfeito com serviço. A seleção de filmes ainda não é tão grande quanto a seleção nos Estados Unidos, mas eles estão adicionando novos filmes constantemente. Assisto a filmes em HD (eles dizem 1080p, mas não é realmente 1080p), e a imagem é muito boa. Até agora não tive nenhum problema de streaming.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *