Publicidade no Skype: Em Breve Nas Suas Chamadas

De acordo com o CEO do Skype, Josh Silverman, o Skype quer ser a “teia das comunicações em tempo real na Web.” E para chegar lá, a empresa está “considerando seriamente” em criar uma nova linha de receita ao incluir anúncios de terceiros no serviço. Em uma entrevista com o site Telegraph, o CEO disse que acrescentar os anúncios seria difícil, principalmente porque “as pessoas usam o Skype de uma forma muito pessoal.” Atualmente não há anúncios no serviço e a principal fonte de receita da empresa é a venda de recursos e créditos opcionais de telefonia que permitem que os usuários façam chamadas para telefones fixos e celulares.

Anúncios de Bom Gosto

Josh Silverman também disse que os anúncios no Skype “serão de bom gosto.” Infelizmente ainda não está claro como serão esses anúncios (supondo que a empresa leve isso adiante). Como o Skype é um serviço de áudio e vídeo, esses anúncios podem ser anúncios de áudio que tocam enquanto você está esperando a conexão de sua ligação, ou pequenos pop-ups como no YouTube que apareceriam em suas conferências e chamadas de vídeo. Atualmente, o Skype só possui banners de seus próprios produtos no seu cliente do Windows.

O Skype tem atualmente mais de 560 milhões de usuários registrados e mais de 20 milhões deles ficam logados diariamente. A empresa “mimou” todos esses usuários com chamadas gratuitas para outros usuários do serviço, então pode ser que com os anúncios criem um pouco de polêmica entre seus usuários.

Novos recursos no Skype

O Skype também anunciou uma série de novos serviços de assinaturas e novas ferramentas durante a Web 2.0 Expo em San Francisco na semana passada. Estes novos serviços incluem chamadas com descontos para mais de 170 países por uma taxa mensal a partir de US$ 1,09, e também um serviço gratuito que será lançado de vídeo chat em grupos para até cinco usuários. O Skype planeja cobrar uma taxa de inscrição por este recurso ainda neste ano.

0 responses to “Publicidade no Skype: Em Breve Nas Suas Chamadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *