iPhone e iPad Com NFC! Será que a Apple Consegue Popularizar a Nova Brincadeira do Google?

De acordo com um relatório da Bloomberg, a próxima geração de iPhones e iPads terá a tecnologia Near-Field Communication (NFC), trazida para o mercado de smartphones pelo Google Phone 2, codinome Nexus S.

A NFC é uma tecnologia de wireless de alta freqüência que permite que os dispositivos – principalmente os celulares – se comuniquem com outros dispositivos com a mesma tecnologia. Isso pode ser utilizado em várias aplicações, incluindo com mobile ticketing (ingressos), pagamentos móveis, e painéis publicitários interativos.

A Bloomberg cita Richard Doherty, diretor da empresa de consultoria Envisionering Group, que diz que a Apple vem trabalhando para incorporar a tecnologia na “próxima geração do iPhone para a AT&T e no iPad 2,” que deverão ser lançados este ano.

NFC e o iTunes

O que dá mais importância a esta notícia é que, se for verdadeira – já que o relatório menciona apenas a tecnologia NFC nos iPhones AT&T, e não nos da Verizon – é a maneira pela qual a tecnologia NFC, juntamente com o sistema de verificação do iTunes, poderia se tornar um método de pagamento. Os usuários já estão familiarizados e confortáveis com a compra de coisas através do iTunes, e como procuramos alternativas para as compras com dinheiro, cheques e cartões de crédito, faz sentido a Apple oferecer este serviço.

Faz sentido para a Apple e também para seus usuários. Como diz o relatório da Bloomberg, isso pode ajudar a Apple a diminuir custos associados com as taxas de processamento de cartões de crédito. Mas este recurso pode também expandir o alcance do serviço do iTunes. E de acordo com Richard, isso está em desenvolvimento para o meio do ano de 2011, com planos para “reformar o iTunes, um serviço que permite que os consumidores comprem músicas e filmes digitais, para que continue armazenando informações de contas de cartões de crédito dos usuários, e também créditos e pontos de fidelidade.”

Então, prepare-se para pagar com seu telefone. Prepare-se para receber anúncios segmentados e cupons em seu telefone. Isso tem sido falado por algum tempo. Mas, mesmo que a tecnologia de NFC tenha sido apontada como o futuro do dinheiro móvel e das compras móveis, uma das peças principais da aplicação está faltando, a infra-estrutura necessária para sua facilitação. E, se o relatório da Bloomberg for verdadeiro, a Apple pode estar desenvolvendo justamente isso.

Será que ela consegue bater o google neste mercado? Será que ela consegue popularizar a tecnologia  levar os méritos, e ainda pagar de pioneira? Sem fanboyismo, queremos ouvir vocês!

0 responses to “iPhone e iPad Com NFC! Será que a Apple Consegue Popularizar a Nova Brincadeira do Google?

  1. Quanda a Apple passa a copiar em vez de ser a empresa copiada, parece ser o fim da Apple como empresa inovadora, passa a ficar atrás de quem vai na frente.

    Falando em inovação, será que o iPad 2 vai ter tela 3D que pode ser vista sem óculos 3D como o Galaxy Pad 2 que vai ser anunciado em 2 semanas, ou mesmo ter duas Webcams atrás para filmar em 3D como o Tablet Android da LG que vai ser lançado em Março a $400?

    Não perca mais um episódio da novela, “O Android comeu o mercado dos iCoisas da Apple” 🙂

  2. Bom, pra mim a Apple sempre “copia de maneira inovadora”, então isso não vai ser diferente. A HP já tinha um Tablet antes do iPad, tocadores mp3 já existiam antes do iPod, e celulares touchscreen já existiam antes do iPhone.

    a apple consegue é fazer isso com altissima qualidade estética e usar sua legião de seguidores pra dissemenar a qualidade (que existe, não é só aparente, mas geralmente num comparativo dos concorrentes, sempre faltam funcionalidades altamente óbvias).

  3. Estou torcendo para que a Apple popularize a tecnologia, se surge algo inovador com potencial para ser um sucesso merece ser desenvolvido, todos ganham com isso.
    A Apple aposta no que eles acreditam que vai dar lucro, não querem re-inventar a roda, simplesmente melhorá-la e dar aquele toque especial típico da empresa.
    E a Google pode pegar carona nesse “upgrade” e ganhar muito com serviços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *