Eric Schmidt, CEO da Google Ironiza Blogs em Evento para Jornalistas

O CEO da Google, Eric Schmidt, deu um discurso recente na American Society of News Editors em Washington, como parte de uma estratégia para acalmar a mídia (ou o Rupert Murdock). Neste discurso, ele acabou atacando o profissionalismo dos blogueiros e a qualidade dos blogs e comprando uma briga bem complicada, dado que ele é o CEO de uma empresa que depende muito das duas partes para conseguir entregar informação as pessoas.

“Há uma arte no que vocês fazem,” disse ele aos jornalistas. “E se um dia vocês duvidarem do valor dos editores de jornais, olhe para a blogosfera. É tudo que vocês precisam ver. Nós entendemos o o quão fundamental é a tradição e as coisas com as quais vocês se importam.”

“Apesar disso, temos objetivos em comum,” Schmidt falou. “A Google acredita no poder da informação. Acreditamos que é melhor ter mais informação do que menos.”

O problema desse discurso é que as ações de Schmidt servem de base para um ponto de vista hipócrita em relação à produção da informação. Se ele fosse CEO do maior fabricante de aquedutos do mundo, isso seria irrelevante. Infelizmente ele não é.

Schmidt é um guia em um dos maiores centros de informação online do mundo. Ele define, e efetiva políticas que afetam milhões de pessoas. Nós sabemos que grande parte do conteúdo produzido por blogs é realmente irrelevante, mas não achamos correto simplesmente ignorar o trabalho dos profissionais que levam blogs a sério.  Existem grandes referências jornalísticas e também opinativas em blogs, que são tão fortes e influenciadoras quanto alguns jornais e isso não pode ser ignorado.

No Brasil, apenas para citar alguns exemplos, aqui temos blogs como o do Tiago Dória, com ótimas informações sobre cultura digital, o Dinheirama com análises financeiras em muitos casos melhores que o conteúdo da mesma editoria de alguns portais e o Startupi que também cobre a cena de Startups nascente no Brasil, praticamente ignorada pelos demais veículos.

Sim, são blogs altamente relevantes, em alguns casos superiores ao jornalismo tradicional em seus segmentos e que contrapõem claramente o ponto de vista do chefão da Google.

O interessante é que a empresa dele parece adotar na prática algumas posturas diferentes do discurso. Por exemplo, o ReadWriteWeb Brasil (sim um blog) foi recentemente aprovado e incluído no Google News, o serviço oficial de notícias do buscador.

Nós do ReadWriteWeb Brasil apostamos cada vez mais em uma blogosfera profissionalizada que para se destacar e evoluir terá que aumentar sua interseção com o jornalismo e aprender como funcionam as coisas do lado da “arte” que Schmidt apontou. Também acreditamos que os blogs pessoais, de entretenimento, e mesmo os blogs que vivem de conteúdo caça níqueis para buscadores vão sempre existir e isso é positivo e importante para a liberdade de publicação que a web oferece.

Portanto somos completamente contra distinções que insinuem uma competição entre jornalismo e blogosfera, visto que ambas as partes tem muito que aprender uma com as outra e já não existe uma distinção clara entre elas. Cada vez mais vemos veículos consagrados investindo em blogs, e blogs crescendo para se tornar veículos referência em seus segmentos.

Não precisamos que o membro mais importante da empresa que acaba sendo um dos patrões das duas classes incitando uma briga que já não existe mais. Será que dessa haverá ao menos uma retratação?

0 responses to “Eric Schmidt, CEO da Google Ironiza Blogs em Evento para Jornalistas

  1. Sempre existe a possibilidade da declaração do Eric Schmidt ter sido mal interpretada. Não acredito que o CEO da Google meteria os pés pelas mãos desse jeito ofendendo alguns bons parceiros comerciais do Google, já que blogueiros usam muito o Adsense e dão bastante lucro ao Google.

  2. É difícil para a Google manter um posicionamento que agrade a todos, mas deve-se tentar, pelo menos, ainda mais o CEO. Agradar Murdock é uma abordagem para um problema sério que o Google enfrenta, mas desagradar milhares, milhões de blogueiros ao redor do mundo pode se tornar um problema ainda maior.

    Vejamos como Schimidt sai dessa saia justa…

    []'s!

  3. Acredito que o ponto chave seja este: “Nós sabemos que grande parte do conteúdo produzido por blogs é realmente irrelevante, mas não achamos correto simplesmente ignorar o trabalho dos profissionais que levam blogs a sério.”
    A Blogosfera do Eric Schmidt acho que tem muito mais a ver com estes blogs de conteudo inútil do que falar em si de blogs de notícias, pois se assim não fosse, por que incluir ou ReadWriteWeb Brasil no Google News, não? ReadWriteWeb Brasil são profissionais (não importa se formados ou não), muito diferente de outros blogs que temos por ai, com muito conteúdo, mas com pouca qualidade.

  4. É difícil para a Google manter um posicionamento que agrade a todos, mas deve-se tentar, pelo menos, ainda mais o CEO. Agradar Murdock é uma abordagem para um problema sério que o Google enfrenta, mas desagradar milhares, milhões de blogueiros ao redor do mundo pode se tornar um problema ainda maior.

    Vejamos como Schimidt sai dessa saia justa…

    []'s!

  5. Acredito que o ponto chave seja este: “Nós sabemos que grande parte do conteúdo produzido por blogs é realmente irrelevante, mas não achamos correto simplesmente ignorar o trabalho dos profissionais que levam blogs a sério.”
    A Blogosfera do Eric Schmidt acho que tem muito mais a ver com estes blogs de conteudo inútil do que falar em si de blogs de notícias, pois se assim não fosse, por que incluir ou ReadWriteWeb Brasil no Google News, não? ReadWriteWeb Brasil são profissionais (não importa se formados ou não), muito diferente de outros blogs que temos por ai, com muito conteúdo, mas com pouca qualidade.

Deixe uma resposta para OCAPPUCCINO Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *